Seja Bem-Vindo!

PÁGINA INICIAL (Home)

Dica: Utilize a pesquisa personalizada do blog para assuntos específicos em relação ao ceratocone.

Este blog tem o compromisso de divulgar informações precisas e atualizadas sobre o ceratocone e as opções de tratamento, cirurgias e especialmente da reabilitação visual com uso de óculos ou lentes de contato.

Pesquisar este blog

Carregando...

terça-feira, 1 de maio de 2012

Lesões Recorrentes por lentes de contato no ceratocone

Um dos motivos que me leva a escrever este artigo é o fato de que recebemos mensalmente no IOSB diversos novos pacientes com ceratocone que nos procuram para receber ajuda. Estes pacientes, além de Porto Alegre, vem de outras cidades do interior e de outros estados a procura de uma solução para o seu caso.

A dificuldade mais comum é não conseguirem se adaptar as lentes de contato rígidas. Embora ao entrar em contato com o IOSB estes pacientes sejam orientados a ficar por pelo menos 48/72 hs sem usar lentes rígidas e de 7 dias se forem lentes gelatinosas muitas vezes eles vem usando suas lentes ou não as retiram com a antecipação recomendada. Isso é necessário para que a córnea esteja relaxada e sem alterações topográficas induzidas pela lente de contato do paciente. Quando o paciente não consegue usar por não se adaptar é bem mais fácil, os testes podem ser realizados e em 99,5% dos casos uma adaptação personalizada da lente Ultracone (seja o modelo original, PCR, SSB ou Ultracone SB Escleral) resolve o problema e o paciente tem uma excelente adaptação.

Quando o paciente não retira as lentes é comum que a córnea esteja com a topografia alterada pela lente e as vezes existam lesões que impeçam os testes em um primeiro momento. É compreensível que muitos não suspendam o uso de suas lentes antes do exame por sentirem-se incapazes mesmo de deslocarem-se ou de realizar suas tarefas de rotina e especialmente profissionais sem as suas lentes. Frequentemente vemos pequenas lesões do epitélio corneano e as vezes erosões mais sérias e úlcera de córnea. Quando há lesões sérias o paciente incialmente tem que ser tratado antes para que possa ser realizado um teste confiável e seguro.

É de grande importância que algumas questões sejam esclarecidas e desmistificadas, tais como:
  • Olho vermelho usando lentes é sinal de a lente não está boa ou não está bem adaptada;
  • Lacrimejamento excessivo é sinal de lente de má qualidade ou com defeito;
  • Nenhum paciente consegue se adaptar com uma lente que provoca dor, isso não é normal;
  • Apresentar episódios de ceratites (lesões epiteliais) freqüentes não é normal;
  • Lentes que ficam "presas" nos olhos e não se mexem não estão bem adaptadas;
  • Lentes que se deslocam com muita facilidade ou caem não estão bem adaptadas.

Filme Lacrimal

Uma observação clínica que muitas vezes é relevada por especialistas é a observação e análise da estabilidade lacrimal do paciente. Pacientes com oho seco, seja evaporativo ou não, tem grande dificluldade em adaptação de lentes especialmente se a qualidade das lentes for muito boa. Para o sucesso na adaptação de pacientes com perfil lacrimal mais baixo é de fundamental importância que uma lente que permita o livre trânsito da lágrima seja adaptada e de forma que a lente não produza um atrito mecânico no ápice do certocone, especialmente se próximo do eixo visual.  


Ceratite causada por LC RGP de diâmetro pequeno com toque apical,  lesão 
no ápice. Observa-se também a marca deixada pela lente na córnea.




Quando o paciente apresenta ceratites freqüentes, é tratado e depois instruído a usar a mesma lente as chances de haver uma recorrência da ceratite são grandes. Alguns pacientes são assimtomáticos e podem não perceber isso, portanto as visitas de rotina e a adaptação de lentes que não toquem a córnea é muito importante. Estes pacientes que machucam a córnea, tratam com gel específico, voltam  a usar a mesma lente, fazm nova lesão e seguem nessa tendência poderão desenvolver cicatrizes permenantes que irão por conseqüência o comprometimento da melhor acuidade visual, perdendo as vezes uma ou mais linhas de visão (Tabela de Snellen).


Quando ocorre este tipo de situação o paciente muitas vezes acaba deixando o profissional e procurando ajuda com outros especialistas, as vezes ele percorre muitos especialistas e em alguns casos a solução parece não existir. É comum os pacientes que chegam nestas condições no IOSB terem uma certa reserva, de fazer mais uma tentativa mas sem "muita fé" ou as vezes com bastante esperança que possamos ajudá-los. Este tipo de paciente requer uma atenção especial e muitas vezes requer bem mais "tempo de cadeira" do que os demais, é preciso ouvir e compreender bem o seu histórico, expectativas e desenvolver uma solução viável para o caso, sempre a melhor para o paciente, tanto do ponto de vista da saúde como do valor que será cobrado de honorários de adaptação.

Atualmente com a recente disponibilização das lentes semiesclerais que estão surgindo está havendo uma tendência a procurar por este tipo de adaptação de lentes maiores. Vejo com certa reserva esta questão pois sabemos que grande parte da dificuldade destes pacientes não reside no tipo de lente que está sendo testada mas na qualidade e na tecnologia da lente que o profissional dispõe em sua clínica. As lentes esclerais e semiesclerais que dispomos no IOSB (Ultracone SSB e SB) somente são utilizadas quando há de fato casos de ceratocone de complexidade ainda maior onde as lentes para ceratocone corneanas não apresentaram o resultado ideal.

A adaptação indicriminada de lentes esclerais ou mesmo semiesclerais sem o devido treinamento poderá resultar no surgimento de novas complicações. É importante estar atento a estas alterações, observar se não está ocorrendo edema de córnea, compressão da esclera, impressão da borda da lente na conjuntiva, existência de pinguécula ou de pterígio importante, hiperemia conjuntival ou outras alterações da córnea, do limbo e da esclera.

Qualquer adaptação de lentes rígidas, seja qual for não devem apresentar toque apical pois poderá a qualquer momento começar um processo de atrito mecânico (especialmente ao piscar) que irá provocar alguma alteração nas células epiteliais e com o agravamento levar a ceratites recorrentes e mesmo a erosão ou a úlceras de córnea. Uma correta adaptação de lentes de contato RGPs no ceratocone deverá proporcionar uma adaptação tranqüila, sem dor, sem lacrimejamento excessivo e persistente e aumentando uma hora por dia o tempo de uso, em torno de 10 dias o paciente já deve sentir-se bem com as lentes.

Luciano Bastos
Diretor & Instrutor Clínico de LC IOSB

Em colaboração com o Blog C&T.

70 comentários:

Lary' disse...

Ai eu pensava que eu era uma anormal, pq toda vez que eu uso minhas lentes meu olho esquerdo começa a lacrimejar excessivamente, as vezes eu nem consigo abrir os olhos, e piscar me incomoda muito.
na verdade eu odeio usar essas lentes, pq a apesar de eu conseguir enxergar, doi muito, quando eu tiro elas, é um alívio. Eu não sei mais o que eu faço, pq na minha cidade não existe tratamento pra doença, tenho que recorrer a cidade vizinha, e as lentes que comprei por lá estão me causando esse problema. :/
obg pelo o post, mt esclarecedor, até mostrei pra minha mãe que pensava que eu não queria usar as lentes por birra, mas é pq mts vezes doi, e meus olhos ficam vermelhos.

Luciano Bastos disse...

Olá Lary,

De fato o lacrimejamento excessivo é sinal de algo não está bem, geralmente é lente que não tem boa qualidade ou está mal adaptada ou mesmo ambas as coisas. O especialista também deve investigar a qualidade e a quantidade de filme lacrimal realizando alguns testes como o T-BUT e Schirmer. Outros testes que podem ser conduzidos é o da Rosa Bengala ou Lissamina Verde. No IOSB nós optamos pelo T-BUT, Schirmer e pela Lissamina Verde que não é desconfortável para o paciente como o teste de Rosa Bengala.

No seu caso é necessária uma reavaliação e readaptação com lentes de melhor qualidade, com um desenho que permita que o filme lacrimal seja corretamente disposto debaixo das lentes e que permita a troca lacrimal adequada no momento que você pisca.

Atenciosamente,

Luciano Bastos
Em colaboração com o Blog C&T.

Gabriella disse...

Precisaria usar lentes, mas não tenho como pagar no momento, então gostaria de saber se sem o uso das lentes, o ceratocone pode avançar ou se o avanço já é algo natural dessa doença (eu enxergo bem no olho direito, mas mal no olho esquerdo)
Obrigada

Luciano Bastos disse...

Olá Gabriella,

Se você tem uma acuidade visual satisfatória com o uso de um óculos bem prescrito não há necessidade de usar lentes de contato, especialmente se você consegue ter um mínimo de conforto e qualidade de vida com os óculos. O fato de não usar lentes não irá fazer o ceratocone progredir, no entanto coçar os olhos pode causar a progressão do ceratocone e deterioração da visão.

Como você tem uma visão boa com um dos olhos o cérebro se encarrega de usar mais este olho para interpretar o que você vê, deixando um pouco de lado o outro o que pode levá-lo a ficar "preguiçoso". O ideal é no mínimo utilizar um óculos que melhore o que for possível a visão neste olho.

Existem alguns serviços de oftalmologia em hospitais públicos que tem um departamento de lentes de contato com valores módicos nos quais os pacientes que não tem condições financeiras poderão tentar adaptação de lentes especiais para o ceratocone se necessário.

Luciano Bastos
Em colaboração com o Blog C&T.

Talita Gomes disse...

Olá, fui diagnostificada com ceratocone já avaçado no olho direito e moderado no olho esquerdo, isso em janeiro, e só agora comecei a usar as lentes rígidas, por orientação do oftalmo, em ambos,pois a adaptação seria mais fácil segundo ele, estou usando há menos de uma semana, e, pelo que li, o que tem ocorrido comigo é normal, mas não custa perguntar. Meus olhos sempre foram sensíveis e lacrimejantes, as lentes deixma minha visão qse 100%, porém, lacrimeja demais e eu "vejo" a lágrima passando por debaixo da lente, o que embaça a visão até eu piscar, mas isso acontece o tempo td, praticamente em td piscada, sei que há um tempo de adaptação, e eu estou no inicio, mas fico preocupada, e percebi que este é um blog sério, com excelentes profisionais ,por isso me senti a vontade em perguntar, é normal isso? No mais, elas incomodam mito, mas não causam dor, estão bem centradas e tem aquela pequena mobilidade que os oftalmos dizem ser necessária, o único problema é que me sinto em uma piscina, enxergando se o tempo td essa lágrima!
Obrigada

Talita Gomes disse...

Olá, fui diagnostificada com ceratocone já avaçado no olho direito e moderado no olho esquerdo, isso em janeiro, e só agora comecei a usar as lentes rígidas, por orientação do oftalmo, em ambos,pois a adaptação seria mais fácil segundo ele, estou usando há menos de uma semana, e, pelo que li, o que tem ocorrido comigo é normal, mas não custa perguntar. Meus olhos sempre foram sensíveis e lacrimejantes, as lentes deixma minha visão qse 100%, porém, lacrimeja demais e eu "vejo" a lágrima passando por debaixo da lente, o que embaça a visão até eu piscar, mas isso acontece o tempo td, praticamente em td piscada, sei que há um tempo de adaptação, e eu estou no inicio, mas fico preocupada, e percebi que este é um blog sério, com excelentes profisionais ,por isso me senti a vontade em perguntar, é normal isso? No mais, elas incomodam mito, mas não causam dor, estão bem centradas e tem aquela pequena mobilidade que os oftalmos dizem ser necessária, o único problema é que me sinto em uma piscina, enxergando se o tempo td essa lágrima!
Obrigada

Luciano Bastos disse...

Olá Talita,

Em relação a adaptação das suas lentes você descreveu o que vem passando de forma muito esclerecedora e isso ajuda muito. Em relação ao lacrimejamento excessivo isso não é normal, e embora a lente pareça estar com comportamento adequado nos olhos de acordo com o que você descreveu, a lente provavelmente está irritando a córnea e provocando esse lacrimejamento excessivo. Lacrimejar nos primeiros dias logo após colocar as lentes é aceitável, faz parte da adaptação e deve sumir, mas o lacrimejamento persistente pode ser sinal de uma má qualidade do desenho da lente.

O problema deve ser relatado ao seu oftalmologista para que providencie uma solução, seja trocando as lentes ou fazendo um polimento nas mesmas, entretanto as vezes pode até mesmo piorar o problema. Outra alternativa é conversar com seu médico sobre testar a lente Ultracone que tem uma tradição de resultados excelentes nestes casos com uma regularidade muioto alta de bons resultados. Se o seu médico disser que esta lentes são iguais as outras ele não conhece ou não entende do assunto, procure uma segunda opinião.

Boa sorte,

Luciano Bastos
Em colaboração com o Blog C&T.

Juliana Pas Vidal disse...

Boa tarde, Luciano.
Fui diagnosticada com ceratocone a 12 anos. Nunca tive problemas com adaptação de lente. E, hoje uso a gelatinosa sob a rigida. Neste ano tive uma infecção em março que reapareceu em junho. Com isso meu médico indicou o transplante pq ja estou em estágio avançado e sua preocupação é a não adaptação.
Tenho ceratocone avançado nos dois olhos.
Gostaria de saber se vcs atendem por algum plano para que eu possa fazer uma avaliação. Estou em panico com a possibilidade de ser transplantada e ter rejeição.
Obrigada. Juliana

Luciano Bastos disse...

Olá Juliana,

É importante suspender o uso destas lentes para evitar uma piora do quadro ou recidiva do quadro. Talvez a adaptação de lentes RGPs ou então de lentes esclerais possa resolver a questão.

Você pode verificar no website do Instituto de Olhos Dr. Saul Bastos (IOSB) os convênios e contato com a clínica. O endereço é www.iosb.com.br

Nossa equipe está a sua disposição, boa sorte.

Atenciosamente,
Luciano Bastos

Anônimo disse...

Bom dia. Me chamo Patricia e tenho30
anos.Descobri q tenho ceratocone ha 06 anos. No OD esta muito avancado e no OE esta controlado. Estou adaptando as lentes Rose k nos dois olhos,ja faz um mes.Mas nessa semana eßtou sentindo dor na cornea do OD oq pode ser.Me ajude,por favor,estou muito nervosa

SAMY POP-UP disse...

Ola, nao sei se vc podera me ajudar, mas tenho uma duvida..
no fim do ano passado, tive lesoes na cornea em ambos os olhos e me indicaram lacrifilm e epitegel, melhorou, mas ate hoje tenho umas marcas deixadas pela lesao embaixo do olho. Iss eh normal?
Detalhe: Uso lentes de contato com grau alto e gelatinosas .
Grata,
Samara

Anônimo disse...

Oi Luciano. Usava lentes de contato gelatinosa por 2 anos. Esse ano fui consultar para fazer cirurgia e o medico me disse q estou com uma lesao olho provavelmente causada mal uso lentes contatos. O medico disse q pode regenerar a lesao. Entao desistir da cirurgia e estou sem usar a lente. E verdade?

Luciano Bastos disse...

Olá Patrícia,

Desculpe a (grande) demora em responder, mas eu realmente não tinha um entendimento de como o alerta de postagem funcionava até então.

A dor geralmente reflete que alguma coisa não está bem, provavelmente o desenho da lente não está adequado ao seu ceratocone, pode ter algum detalhe no desenho da lente que está provocando a dor. Em todo o caso creio que isso já deve estar resolvido espero, as vezes um ajuste no desenho da lente irá possibilitar uma melhor adaptação com conforto e sem dor.

________________________________

Olá Samara,

Qualquer lesão na córnea não é normal, se você usa lentes de contato, sejam quais elas forem, você deve obrigatoriamente ser acompanhada por um oftalmologista experiente na adaptação de lentes de contato que possa orientá-la e corrigir quaisquer problemas de forma a prevenir (ou remediar no caso) os problemas que eventualmente surgem pelo uso de lentes de contato.

__________________________________

Caro anônimo,

Sim, é verdade que o epitélio corneano regenera rapidamente, no entanto se a lesão for mais profunda ou como trata o post principal, de lesão recorrente, pode afetar a membrana de Bowman e eventualmente atingir o estroma, aí é mais complicado, arriscado e demora mais para cicatrizar a lesão. A suspensão do uso de lentes nestas condições sempre é mandatória, o tempo de recuperação depende diretamente da severidade da lesão e da capacidade de cicatrização da córnea.

Em casos mais sérios, o oftalmologista irá prescrever um gel ou pomada cicatrizante como mencionado acima e eventualmente um antibiótico profilático (precaução) se assim ele achar procedente.

Qual a cirurgia que você queria fazer?

Espero ter ajudado.

Luciano Bastos
Em colaboração com o Blog C&T.

Rubens disse...

Olá, eu faço uso de lentes de contato (RPG) em ambos os olhos ha aproximadamente 8 meses, e no começo a adaptação foi relativamente tranquila, pois tenho uma certa alergia (conjuntivite) mas estava tudo bem, até que fui a um parque aquatico e passei a tarde inteira com as lentes e desse dia pra cá não consigo fica mais com a lente no olho direito. Fui ao médico e ele disse pra ficar sem a lente por 48 horas para ver se a cornea cicatrizava, para por fim eu voltar a utiliza-la ao longo do dia, porém isso não aconteceu. Eu fico sem a lente por um tempo e quando ponho novamente no fim da tarde o olho está todo irritado, sensivel, enfim, não consigo ficar com ela. Ai eu pergunto: Só mudando a lente eu vou resolver isso? o que aconteceu com minha cornea ou com a lente para que de um dia pro outro eu nao consiga mais suportar. Nessas condições, pela manhá é um sacrificio o incomodo que a luz me dá, mesmo de oculos escuros quase nao consigo abrir os olhos.
O engraçado, é que quando fui ao médico, ele me disse que os dois olhos estavam com a cornea machucada, porem no olho esquerdo ja consigo usar normalmente até entao, mas o direito ta dificil. Será que eu preciso mais do que 48 horas para que minha cornea se regenere por inteira?
Obs: eu ja fiz transplante lamelar nos dois olhos, só que o olho direito ficou pior do que eu era antes, ta tudo embaçado, e com a lente ajuda muito, pelo menos para que o cérebro nao cruze as imagens e eu fique me sentindo vesgo.

Att.

eliton disse...

ola ,me chamo Eliton e tenho ceratocone,fiz a cirurgia e coloquei anel de ferrara e logo depois coloquei a lente escleral,mais me adaptei bem...depois de certo tempo minha lente veio a embaçar e meu olho arde e lacrimeja muito e depois que tiro a lente ainda fica muito irritado,o que posso fazer para ter uma melhora nesse aspecto meu olho fica bem vermelho,ta muito ruim,sou de anapolis goias,Brasil

Luciano Bastos disse...

Caro Rubens,

Em primeiro lugar desculpe e demora em responder. Seu caso me parece um problema causado pelas lentes. Nao sei exatamente que relacao pode haver entre a visita ao parque aquatico mas se a cornea esta machucada o ideal seria ficar sem utilizar as mesmas por cerca de 3 a 4 dias ou mais e fazer uma consulta com um oftalmologista especialista em lentes especiais para uma readaptacao e testes com lentes novas.

No website da Ultralentes (www.ultralentes.com.br) ha uma lista de especialistas e voce podera encontrar possivelmente um credenciado perto de voce caso precise.

Boa sorte,

Luciano Bastos
Em colaboracao com o Blog C&T

Luciano Bastos disse...

Ola Eliton,

Somente analisando o caso pessoalmente para investigar o que esta ocorrendo, no entanto geralmente este tipo de situacao ocorre quando a lente escleral nao esta adaptada de acordo com as necessidades especificas do olho do paciente, pode tambem estar ligado a qualidade da porcao haptica que deve repousar suavemente sobre a esclera (porcao branca dos olhos) sem comprimir os vasos para-limbicos. No IOSB em Porto Alegre somos pioneiros na adaptacao de lentes especiais no Brasil e tambem fomos pioneiros na adaptacao das modernas lentes esclerais. O indice de complicacoes (somente leves) que temos eh bastante baixo dado o grande numero de adaptacoes que fazemos rotineiramente. Em nossa experiencia a alteracao do desenho da lente e adequando a mesma as necessidades especificas da superficie ocular do paciente, os resultados sao excelentes.

O transplante de cornea embora tenha evoluido muito as tecnicas e tecnologia para melhorar os resultados ainda apresenta o estigma da rejeicao e de outras dificuldades como as do astigmatismo irregular pos-cirurgico que pode demandar a readaptacao de lentes de contato apos o procedimento, as vezes mais complexo que o proprio ceratocone.

Um dos fatores que mais levamos em consideracao eh a acuidade visual com lentes de contato (RGPs ou esclerais) obstidas pelo paciente versus o conforto e a seguranca da adaptacao. Atingidas estes tres pontos de forma satisfatoria, nao ha porque indicar uma ceratoplastia (transplante).

Boa sorte,

Luciano Bastos
Em colaboracao com o Blog C&T

Mymy-Sama disse...

Yasmin'

Pode me tirar uma duvida, eu usava minhas lentes normalmente por um curto período de tempo elas nunca me causaram qualquer desconforto porém da ultima vez eu estendi um pouco mais o tempo de uso delas e uma das lentes pareceu começar a "agarrar" no canto do meu olho me causando um desconforto enorme para piscar... Eu não tenho certeza do que aconteceu, tentei usar colírios e lavar a lente no renu mas não teve muito efeito, pode me dizer alguma solução ou se terei que descarta-las?

Mymy-Sama disse...

Yasmin'

Pode me tirar uma duvida, eu usava minhas lentes normalmente por um curto período de tempo elas nunca me causaram qualquer desconforto porém da ultima vez eu estendi um pouco mais o tempo de uso delas e uma das lentes pareceu começar a "agarrar" no canto do meu olho me causando um desconforto enorme para piscar... Eu não tenho certeza do que aconteceu, tentei usar colírios e lavar a lente no renu mas não teve muito efeito, pode me dizer alguma solução ou se terei que descarta-las?

Luciano Bastos disse...

Olá Yasmin,

Por quanto tempo seria esse "tempo estendido"? Não ficou bem claro isso...

Provável que a lente esteja com o acabamento de borda impróprio para o uso e por essa razão a sensação de ela "agarrar no olho". Lente rígida deve ter um pouco de mobilidade, ela não deve ficar presa e nem arranhar a córnea.

Sugiro rever (imediatamente) a adaptação junto ao seu oftalmologista.

Boa sorte,
Luciano Bastos

Anônimo disse...

Bom dia, uso lentes há 5 anos e nunca tive problemas com a mesma. Porém, nos últimos dias, aproximadamente 5 dias, meu olho esquerdo esta incomodando. Ao colocar a lente pela manhã não há problema algum, mas pela tarde e noite ao piscar tenho a sensação de que há algum cílio mas ao olhar não tem nada, só está com as 'veias' irritadas e bem vermelhas. E além desse desconforto da sensação de ter um objeto estranho, a visão fica embaçada e preciso forçar as lagrimas para que volte a ficar visível novamente. Quanto ao olho direito quando comparado com o esquerdo, geralmente as 'veias' quase nem aparecem e não incomoda.
Obrigada, Nathaly de Curitiba

Luciano Bastos disse...

Olá Nathaly,

As vezes pode ser que as bordas ou curvas mais periféricas da lente tenham sofrido algum desgaste, as vezes microscópico que não é possível identificar. Sugiro que você retorne ao seu oftalmologista para reavaliar e conforme for polir as lentes ou trocá-las se foram antigas.

Qualquer dúvida estou a disposição.

Luciano Bastos

Anônimo disse...

Karine - São Paulo - SP
Comecei a usar as lentes rígidas no dia 15/05 aumentando o tempo de uso de 2 em 2 horas. Ficava lacrimejando muito e com os olhos vermelhos. Cheguei a ficar dois dias sem usá-las e depois diminui o tempo. Ontem (26/05) consegui ficar o dia todos com elas e hoje já não sinto tanto incomodo nem fico lacrimejando muito, mas meus olhos ainda estão muito vermelhos e ás vezes ficam embassados. Isto é normal?

Luciano Bastos disse...

Olá Karine,

O fato de você estar tolerando as lentes e passando a não sentí-las pode significar que a adaptação está em curso, entretanto a hiperemia conjuntival (olho vermelho) pode ser indicativo de que a lente não está bem adaptada do ponto de vista técnico da adaptação e/ou a qualidade final da lente não está condizente com o que a córnea precisa para que seja mantido o seu equilíbrio fisiológico.

O correto é você ir na revisão com seu oftalmologista para que ele examine e possa determinar o que deve ser feito. É importante você saber que existem diferentes marcas e tipos de lentes para ceratocone e elas não são absolutamente iguais.

Boa sorte!

Luciano Bastos
Em colaboração com o Blog C&T.

Thalita disse...

Aqui no RJ onde posso encontrar médicos credenciados?

Luciano Bastos disse...

Olá Thalita,

Há excelentes especialistas no Rio, sugiro você dar uma olhada no link abaixo e ver as opções. Estes especialistas são muito experientes e adaptam lentes de contato especiais de alta qualidade e tecnologia.

www.ultralentes.com.br/onde-encontrar/

Qualquer dúvida pode entrar em contato com o laboratório Ultralentes pelo website.

Boa sorte,
Luciano Bastos

Douglas Peixoto disse...

Douglas oi uso lentes rígidas a uns 3 anos as vezes. Sinto um incômodo grande olhos ardem sensação d areia ficam vermelhos. Não consigo usar o interessante é q aa vezes passa e depois de dias meses volta não aguento me dar dor .cabeca tenho 19 d miopia astguimatismo minha vida para sem as lentes quando tenho essas crises me ajude sou d Maceió.

lanna disse...

Boa noite, comecei a usar lentes de contato ontem, hoje sendo o segundo dia de uso. Primeiro que não consigo coloca-las nem tira-las com facilidade. Isso tem me regarado uma certo desconforto e estresse. Segundo, quando eu consigo colocar tenho a sensação de que minha visão fica embaçada, mas eu consigo enchergar "perfeitamente" como com os óculos "até melhor", mas tenho a essa sensação. Em relação ao coloca-las tenho medo de estar machucando meus olhos, pq doi e tem ficado dolorido. Terceiro, estou sentindo dor de cabeça quando eu coloco, a dor de cabeça pode ser psicologico por está tendo dificuldades ao colocar e ficar frustada ?. Outra coisa a claridade tem me incomodado muito, até as luzes artificiais me incomoda, quando saio a luz natural tenho usado óculos escuros e o incomodo é menor. Gostaria de me esclarecesse essas duvidas. E se isso tudo pode ser só questão de adaptação. Desde já agradeço.

Thaise Cristina disse...

Bom dia, me chamo Thaise e a mais ou menos 1 mês comecei a usar lentes rígidas, ainda nao me adaptei totalmente a ela por isso nao consigo usá-la por mais de 6 hrs, como estou de ferias decidi tentar usá-la por mas tempo (10hrs aproximadamente) e fui muito tranquilo, um certo incomodo mais nada que me fizesse querer tirá-la, so que no outro dia ao tentar colocá-la eu não consegui ficar com ela nem 2 hrs pois meu olho incomodava demais, e depois que tirei sinto como se algo estivesse apertando o meu olho direito, e ele fica lacrimejando, será que eu machuquei a minha córnea ( tenho muita dificuldade para colocar a lente no olho direito ) obrigada pela atenção .

Luciano Bastos disse...

Olá Douglas Peixoto,

Em alguns casos o problema pode ser multifatorial mas influenciado basicamente pelo desenho da lente. Quando há uma menor quantidade do filme lacrimal na córnea o conforto e o equilíbrio fisiológico corneano ficam dependentes diretamente do desenho da lente. Se o desenho da lente é bem feito em sua integridade ela permite uma troca lacrimal mais efetiva e permite que um fino filme de lágrima fique entre a lente e a córnea, preservando a saúde e proporcionando conforto.

Uma alternativa as vezes é polir a lente, dependendo se o técnico que for fazer isso souber o que está fazendo ou não pode melhorar o conforto e a passagem da lágrima ou ao contrário, piorar ainda mais.

A outra alternativa que vou lhe sugerir é que seu oftalmologista entre em contato com a Ultralentes e peça um par de lentes sem compromisso para você, asism seu médico e você poderão avaliar um outro desenho de alta tecnologia e observar se há melhora do quadro. Veja que apenas um seleto número de especialistas muito experientes na adaptação de lentes adapta as lentes Ultracone, entre outras da Ultralentes, mas o laboratório está aberto aos oftalmologistas que procurarem pela sua tecnologia.

Boa sorte,


Em colaboração com a Blog C&T.

Luciano Bastos disse...

Olá Ianna,

A adaptação de lentes rígidas deve ser feita amentando uma hora a cada dia, em 10 dias ou menos o paciente geralmente está adaptado utilizando cerca de 10 hs ou mais, ao menos isso é o que observamos no IOSB com as lentes Ultracone. Naturalmente que por existir vários desenhos e marcas de lentes nem sempre o paciente encontra uma ideal ao seu caso, as vezes ele consegue uma boa adaptação sem maiores problemas, em outros casos não consegue nem usar. A sugestão que dei na resposta acima pode servir a você se for o caso.

Boa sorte e mantenha-nos informados da progressão da sua adaptação.

Luciano Bastos
Em colaboração com o Blog C&T.

Saimo Reblleth de Souza disse...

Saimon, Montes claros-MG

Recentemente fui diagnosticado com ceratocone, estou na primeira semana de adaptação e utilizo lentes tóricas rígidas. Estou com algumas duvidas em relação a alguns sintomas que sinto, gostaria de saber se eles são normais ou não durante a adaptação.

Depois de algum tempo utilizando as lentes meus olhos parecem um pouco ressecados (será que as lentes estão impedindo a produção de lagrimas). Segundo, meu olho direito fica levemente dolorido quando utilizo as lentes por muito tempo. Terceiro, utilizando as lentes fico com um pouco de sensibilidade a luz.

Se poder me esclarecer se estes sintomas são normais durante a adaptação agradeceria, pois tentei entra em contato com meu oftalmologista mas ele entrou de ferias.

Luciano Bastos disse...

Olá Saimo Reblleth de Souza,

Respondendo as suas dúvidas, pela ordem:

1) É possível e bastante provável que devido ao desenho das lentes as mesmas não estejam proporcionando a renovação lacrimal necessária. Mesmo que as lentes sejam gás permeáveis, é fundamental que exista renovação lacrimal que deve ocorrer com o ato de piscar, a cada piscada deve ocorrer o que é chamado de bombeamento lacrimal ou troca lacrimal.

2)O sintoma mencionado está diretamente ligado ao que citei acima, faltou ou esgotou a lágrima a lente pode começar a prejudicar o epitélio corneano causando um sofrimento em uma área bastante sensível (e nobre) que é a córnea.

3) Também está ligado ao que foi citado acima, fortalecendo a suspeita de que o que escrevi é procedente. A lente pode estar com os parâmetros de curva base, grau e diâmetro corretos mas está deixando a desejar na performance devido a detalhes fundamentais no desenho das lentes.

Se quiser eu posso lhe ajudar. Entre em contato comigo pelo website do IOSB no link:

www.iosb.com.br

Atenciosamente,

Luciano Bastos
Em colaboração com o Blog C&T.

Renan disse...

Eu estou usando as lentes rigidas tem pouco tempo e notei de após um tempo com elas aparece alguns vaso vermelhos nos olhos... Tem vezes que aparece só em um ou só no outro... Isso é normal por causa da adaptação?

Luciano Bastos disse...

Olá Renan,

Se estes vasos aparecem na região temporal e nasal dos olhos (horizontalmente) o fenômeno é chamado de ceratite as 3 e 9 hs. Isso ocorre devido a periferia e a borda das lentes estarem inadequadas e machucando o epitélio corneano. É importante corrigir o defeito polindo as lentes substituindo as mesmas. Alguns especialistas tem como polir as lentes e modificá-las no próprio local (consultório), outros encaminham para o laboratório para que sejam corrigidas. Se o laboratório for capacitado eles terão condições de corrigir o problema.

Boa sorte,
Luciano Bastos

Angelo Ottolini disse...

Olá, boa tarde.
Ótimo blog, muito esclarecedor, bastante completo.
Tenho uma dúvida sobre as lentes esclerais. Minha namorada tem ceratocone e está na fila do transplante no hospital de Sorocaba. Há alguns meses ela fez as lentes esclerais, porém logo após 2 meses apareceu uma úlcera, que o médico não soube dizer se foi causada pelo uso da mesma.Agora ela sente muita dor ao usá-las, e fica com os olhos muito vermelhos, e aparecendo aqueles "vazinhos" que ficam na parte branca dos olhos( acho que é a esclera)bem vermelhos. Sou leigo no assunto, mas pude ver que a adaptação das lentes não seguiu um critério como os que os profissionais aqui do blog descrevem. Viram apenas o número que "cabia" e colocaram. não vou comentar o nome da fabricante nem do local, até porque acho que seria antiético postar aqui. Mas após pesquisar sobre o assunto, vi que existem outros fabricantes, como o da escleral bastos, que só de ver no site, já se nota que a adaptação é feita de uma forma mais personalizada, com vários exames, diferente do que fizeram com a minha namorada no local onde fomos e com esse outro fabricante. Será que as lentes foram realmente mal adaptadas ou é algo que realmente não poderia ser evitado? Vocês nos indicariam algum profissional aqui no Rio de Janeiro? Obrigado.

Nayane Saraiva disse...

nayane saraiva,Redençao- CE.
Parabéns pelas excelentes dicas do blog. Mas gostaria de saber o que poderia ser o vermelhidao e ardencia que sinto no olho direito ao colocar a lente de contato gelatinosa, que no caso tem grau 8.7. Isto acontece poucos minutos ao colocar a lente. Uso óculos boa parte do dia e só coloco as lentes quando vou sair, será se nao estou mais adaptando o grau das lentes ou sera tambem se nao estou fazendo a higienizaçao adequada das lentes, ja que as fezes esqueço. Lembrando que nunca passei por este problema, pois estou usando lentes de contato a 4 anos e nunca tinha acontecido isso. Obrigada, estarei a espera de seu diagnóstico.

Luciano Bastos disse...

Olá Angelo Ottolini,

Realmente o médico responsável pela adaptação deve ser preparado para fazer uma adaptação criteriosa, existem maneiras de se prevenir uma lesão corneana, especialmente se tratando de lentes esclerais. Em relação a especialistas no Rio tem alguns que conheço que tem bastante experiência com esclerais, segue algumas opções:

Dr. Brunno Dantas
Av.. Franklin Roosevelt, 84 Sala 704 Centro
21)2292-8625

Clínica Pecego
Dr. José Guilherme Pecego
Rua Vinícius de Moraes, 177/101
(21) 2522.4930

Em Niterói:

Dr. Ari de Souza Pena
Rua Cel Moreira César, 26 - Icaraí
(21)2717-3373
(21)2717-8660

Boa sorte,
Luciano Bastos

Luciano Bastos disse...

Olá Nayane Saraiva,

Não é normal, procure o seu oftalmologista para que ele possa avaliar seus olhos e as suas lentes para saber se estão em bom estado.

Da maneira que você usa, mesmo sendo á quatro anos, se é uso eventual deve haver algum problema nas lentes como a presença de depósitos muco-proteicos.

A correta limpeza e assepsia das lentes de contato, sempre ANTES e APÓS o uso é fundamental para que elas fiquem em bom estado.

Melhoras.
Luciano Bastos

Anônimo disse...

Ola Dr.tenho ceratocone nos dois olhos tenho 33 anos fiz transplante no esquerdo e uso as lentes escleral mas meu olho do transplante tem dois dias que esta ficando muito vermelho me ajuda por favor não DOI não coça mas ta muito irritado ,o medico me passou optive U D sera q resolve to muito nervoza essas lentes são caras!!!

Anônimo disse...

Boa tarde, meu nome é Virlaine e sou portadora da degeneração marginal de Terrien. Estou no momento utilizando lentes de contato gelatinosa, depois de um longo período de adaptação. Minha duvida é que todas as vezes que eu as tiro, percebo uma série de pontos brancos do lado de dentro da lente, isso ocorre apenas do lado esquerdo. Percebi também que surgiu uma mancha branca dentro da iris. Isso pode ser em decorrência do uso da lente? Meu oftalmo me disse que posso estar liberando cálcio pelo olho, isso também é possível?
Aguardo um retorno. G0rata

Anônimo disse...

Ola, uso lentes de contato ja fazem quatro anos uma vez tive uma infecção na córnea e fiquei trez meses sem usa-las voltei a usar tem uns 9 meses e de uns dias pra cá meus olhos estao doloridos o olho direito esta com veias avermelhadas e na menina dos olhos tem como se fosse im machucadinho estpu preocupada e meu oftalmologista esta marcado pra daqui 10 dias ainda nao sei o q faço ja suspendi as lente mas meus olhos doem muito.
Bianca melo

Luciano Bastos disse...

Prezada Anônima,

Não é um bom sinal a hiperemia conjuntival (olhos vermelhos) no uso de lentes esclerais, especialmente tratando-se de um caso de pós-transplante. O ideal é investigar o motivo pelo qual isso está ocorrendo, geralmente trata-se de alguma imperfeição da lente escleral ou então do planejamento inadequado ou insuficiente do desenho utilizado.

Caso precise, o Instituto de Olhos Dr. Saul Bastos em Porto Alegre tem uma longa experiência neste tipo de adaptação, nós utilizamos lentes esclerais especiais que foram desenvolvidas por mim após cerca de 10 anos de estudo e pesquisa, iniciamos as adaptações das modernas lentes esclerais de forma pioneira no Brasil entre 2006 e 2007. Para maiores informações pode ver o blog do IOSB, basta digitar www.iosb.blogspot.com no navegador.

________________________________

Olá Virlaine,

É possível sim, acredito que o melhor caminho a seguir é a adaptação de lentes esclerais, que se corretamente adaptadas e com um desenho que livre a córnea e o limbo, repousando suavemente na esclera (porção branca dos olhos) podem oferecer não somente uma excelente qualidade de visão mas como também proteção e saúde para a córnea.

Assim como mencionei logo acima no comentário estamos a disposição no IOSB caso você queira testar estas lentes. É importante que a adaptação de lentes esclerais no seu caso sejam as de grandediâmetro, também conhecidas como FULL SCLERAL, de diâmetros entre 19.0 mm e 22.5 mm. elas poderão dar uma melhor segurança a periferia da córnea e ao limbo, assim como a porção central da córnea.

Boa sorte!
Luciano Bastos

Luciano Bastos disse...

Olá Bianca Melo,

A esta altura acredito que você já tenha retornado ao seu oftalmologista e foi ótimo suspender o uso das lentes. Provavelmente o problema da infecção pode ter a causa justamente nas lentes que estavam defasadas ou adaptadas de forma inapropriadas ou ainda o desenho da lente não estava bem.

O ideal é rever a adaptação e se o problema retornar talvez seja o caso de procurar outra lente rígida, pergunte ao seu oftalmologista se ele conhece a lente Ultracone. Caso ele não conheça sugira que ele pesquise ou se informe sobre ela pois pode lhe ajudar. Se ele disser que não é boa ou que "todas lentes são iguais" procure um oftalmologista credenciado na Ultralentes para testar a lente ULtracone.

Boa sorte,
Luciano Bastos

Barbara Borges disse...

Bom eu estava com um terçol na parte de baixo nos meus olhos e Na parte de cima
Desde criança sempre tive terçol
agora uso lentes de contato pois tenho miopia
Mas voltando . Estou com terçol e estou passando pomada com antibiótico.
A noite eu passo muito chega arde meu olho
mas quando acordei no dia seguinte vi que a parte branca dos meus olhos estava vermelha
não sei porque está assim
se é por causa da lente ou da pomada
porque a lente eu cuido bem dela
lavo bem minhas mãos

Anônimo disse...

Olá, amei o blog, bom seria se tivéssemos p tdos os problemas.
enfim, fui ao meu oftalmo como sempre vou anualmente, faco uso de lentes gelatinosas por onze anos.
twnho miopia e astignimatismo.
ele disse q minha cornea esta machucada, disse tbm de uma curva, algo assim.
mandou eu ficar sem lentes por trinta dias e voltar novamente p ele diagnosticar..
Por tdo que venho pesquisando creio q seja Ceratocone,estou super ansiosa, preocupadaa.
vocês podem me dizer alguma coisa?
Pode ser q seja msm, ou pode ser outra coisa?
Muito obrigadaaa

Anônimo disse...

Olá,
Recentemente a minha esposa esta utilizando a lente de contato escleral. Acontece que quando ela tira fica a marca da lente por peloenos trinta minutos e os olhos ficam vermelhos. Alem disso, ela não consegue enxergar para perto e a medica prescreveu um óculos para leitura. Isso é normal?
Desde já agradeço,
Junior

Luciano Bastos disse...

Olá Barbara Borges,

Tem que examinar e ver se é uma reação alérgica a pomada com antibuótico ou se pode também estar associado a uma secura ocular devido ao uso de lentes, especialmente as gelatinosas que são piores para a lubrificação ocular.

Você faz compressas mornas para resolver o terçol?

Boa sorte!
Luciano

Luciano Bastos disse...

Olá anônima,

Fico feliz que tenha gistado do blog. Para que o seu oftalmologista possa avaliar bem a situação é importante realmente suspender o uso, não acho que 30 dias sejam necessários, uma semana sem lentes já seria o suficiente para uma avaliação precisa.

Um exame que pode ser feito é uma topografia de córnea ou uma tomografia de segmento anterior que mostrará a situação atual da curvatura da córnea de forma precisa. Pode ser que o uso das lentes gelatinosas possa estar causando uma pequena lesão (ceratite) e isso provavelmente pode estar associado a falta de lubrificação e eventualmente oxigenação da córnea. Talvez uma readaptação com lentes rígidas gás permeáveis seja mais saudável, é importante que as lentes sejam de boa qualidade e bem adaptadas para você poder readaptar com conforto e segurança.

Boa sorte!
Luciano

Luciano Bastos disse...

Olá Junior,

As lentes esclerais são realmente maravilhosas, no entanto é importante que elas sejam de boa qualidade e estejam ajustadas de maneira personalizada para não criar pontos de compressão junto a esclera e assim pressionar os vasos para-límbicos que podem provocar a hiperemia (vermelhidão) conjuntival. Estes pontos de compressão são observados por regiões onde a lente deixa um esbranquiçamento forte na esclera (porção branca dos olhos) e os vasos ficam invisíveis.

Nas nossas adaptações com as lentes Sleral Bastos da Ultralentes raramente vemos este problema, e quando é percebido no teste as lentes devem ser modificadas de acordo com cada caso para que isso não ocorra.

Melhoras para sua esposa!

Luciano Bastos

Luciano Bastos disse...

Ainda sobre os óculos de leitura Junior, esqueci de comentar. Se ela tem mais de 40 anos ela está na fase de presbiopia, então é de fato uma necessidade. Uma alternativa seria fazer uso da técnica da monovisão que consiste em deixar o olho dominante ótimo para longe e baixar um pouco o grau (colocar a adição) na lente do outro olho não dominante.

Luciano

Gisele Falcete disse...

Gisele,Bauru-SP
Olá, tenho miopia e astigmatismo (OE 1,75 e OD5,75). Estou fazendo uso de lente de contato gelatinosa a cerca de 40 dias, mas acho que não consegui me adaptar. Quando eu coloco ainda com dificuldades, parece estar ok, mas é sair de casa, na claridade que já percebo o olho aparentar estar seco e ardendo e com o passar do dia vai aumentando a sensação e tbm aparece veinhas vermelhas nos cantos branco dos olhos, não vejo a hr de terminar o espediente para tirar. E a de uns 3 dias pra cá, ao tirar a lente, o olho esquerdo está com sensação de ter cisco nos olhos e ardência nos dois olhos mesmo depois de tirar as lentes.
Isso significa que não estou me adaptando as lentes ? Uso renu para limpeza e a marca das lentes é Air Optix.
Agradeço pela atenção. Parabéns pelo trabalho, adorei o blogger.

Maricelio Amaral disse...

olá tenho ceratocone e uso lentes rigidas e nao esta ficando centralizada no olho, logo que coloco e pisco ela se move para parte de baixo, a pupila ainda fica dentro dela mas quando ela fica maior fica o pedacinho fora da lente. o que posso fazer?

Unknown disse...

Eu mandei mandei minha lente de contato para a garantia porque acreditava que fosse ela qm estava arranhando e causando irriação no meu olho esquerdo.
Já tm mais de meses que n á uso e assim msm,toda noite meu olho esquerdo fica arranhando e irritando cm c estivesse um sisco e meu oculista só c preocupol em me vender a lente.oq sugerem que eu fassa?

Wilson Filho Rodrigues Barbosa disse...

Olá
Meu oftamologista me vendeu uma lente de contato que no comesso estava usando sem nenhum problema,ms depois ela começou a causar cosseira e irritação no meu olho esquerdo.
Mandei ela para a garantia acreditando ser um defeito da lente ms já tenho mais de 50dias que uso nenhuma lente e meu olho esquerdo continua se irritando cm se tivesse um sisco.
Oq pod ser?e que devo fzr?

Wilson Filho Rodrigues Barbosa disse...

Olá
Meu oftamologista me vendeu uma lente de contato que no comesso estava usando sem nenhum problema,ms depois ela começou a causar cosseira e irritação no meu olho esquerdo.
Mandei ela para a garantia acreditando ser um defeito da lente ms já tenho mais de 50dias que uso nenhuma lente e meu olho esquerdo continua se irritando cm se tivesse um sisco.
Oq pod ser?e que devo fzr?

Luana Machado disse...

Comecei a usar as lentes de contato rígidas há mais ou menos uma semana, Mais sinto que elas estão se movimentando demais no meu olho, e as vezes ela demora a centralizar quando eu pisco. Isso é normal?

Eder Fernandes disse...

Uso lentes de contato rigidas há pouco tempo.
Mesmo usando corretamente (higienização e etc) fico com os olhos vermelhos (depois de algumas horas de uso) e sinto os olhos arderem também.
Nos estágios iniciais de adaptação isso é normal ?

Obrigado.

Sara Conceicao disse...

Ola meu nome E sara. Sou de bh.eu uso lintes de contatos rigidas .tem 8 anos.minha duvida E quando tiro as lentes porque as visoes dos ambos olhos ficam embaçado E nao consigo enchergar nada pq isso ocorre fui diagnosticada A fazer transplante ou fazer uma cirugia que coloca um anel. Nos olhos.podem me explicar por favor

Anônimo disse...

Boa tarde! Faço uso de lentes corretivas 3.0 e 4.0 - há uns 7 meses. Estava tudo correndo bem,faço corretamente os procedimentos de assepsia,porém de uma semana,apresentei problemas no olho esquerdo. Ficam vermelhos,doe,arde,lacrimejaram,tem secreção, parece estar machucado na parte superior do olho.não consigo mais usar a lente.estou lavando com água boricada,e descansando a vista do uso da lente.gostaria muito de solucionar esse problema.será que trocando as lentes resolve? Desde já agradeço!!

Anônimo disse...

Olá Doutor Luciano Bastos.

Meu nome é Matheus e fui diagnosticado com ceratocone a pouco tempo e tomei as providências necessárias e já estou utilizando as lentes rígidas. Só que me deparo com o seguinte... eu não consigo ficar com os olhos totalmente abertos como naturalmente sem a lente, eu sinto como se agora meus olhos ficam meio fechados. Isso é algo a se preocupar? Ou é mais uma questão de tempo para eu me acostumar as lentes?

Observação: iniciei o uso das lentes rígidas dia 28/12/2015.

Matheus Martins disse...

Olá Doutor Luciano Bastos.

Meu nome é Matheus e fui diagnosticado com ceratocone a pouco tempo e tomei as providências necessárias e já estou utilizando as lentes rígidas. Só que me deparo com o seguinte... eu não consigo ficar com os olhos totalmente abertos como naturalmente sem a lente, eu sinto como se agora meus olhos ficam meio fechados. Isso é algo a se preocupar? Ou é mais uma questão de tempo para eu me acostumar as lentes?

Observação: iniciei o uso das lentes rígidas dia 28/12/2015.

Regina Machado disse...

ola coloquei minha lente pela primeira vez nao preciso usar usei somente por vaidade mas nao sei se coloquei do lado errado mas sei que irritou bastante e quando tirei ainda senti irritada e com um pouco de dor de cabeça!gostaria de usar somente p ter os olhos claros!sera que nao me dei bem ou nao coloquei certo ou sei la

Regina Machado disse...

ola coloquei minha lente pela primeira vez nao preciso usar usei somente por vaidade mas nao sei se coloquei do lado errado mas sei que irritou bastante e quando tirei ainda senti irritada e com um pouco de dor de cabeça!gostaria de usar somente p ter os olhos claros!sera que nao me dei bem ou nao coloquei certo ou sei la

Marcos Noronha disse...

Estou na primeira semana de adaptação das lentes rígidas e estou com várias dúvidas quanto ao que é normal ou não, pois consigo ver a borda das lentes e ao piscar sinto que se movem, isto é normal? Ainda sinto distorções e sombras para ver placas ler no computador ver letreiros luminosos ou as luzes dos carros.

Anônimo disse...

Meu nome é Vitória,sou de Salvador-Ba e há 8 meses atrás fui diagnosticada com ceratocone em estágio avançando no olho esquerdo e normal no olho direito,procurei uma oftalmologista e ela fez teste de lente comigo e no final não tinha me adaptado a nenhuma,então ela sugeriu que eu fizesse cirurgia,fiquei um pouco em dúvida e procurei outro médico,ela fez teste de lente comigo e logo achou uma na qual eu me adaptasse,a exatamente 1 mês e alguns dias estou usando as lentes rigidas,só que durante esse mês aconteceu algumas situações de bastantes desconforto,na qual eu tenho que tirar a lente do olho esquerdo ligeiro,uma sensação de incomodo muito forte,o olho começa a lacrimejar bastante e não consigo ficar com o olho aberto e quando abro pra tirar a lente,o olho está muito vermelho,ocorreu a situação a alguns dias de eu ter que tirar a lente no meio da rua,pois não conseguia enxergar e só chorava,hoje aconteceu novamente,conseguir chegar em casa e quando cheguei meu olho quase não abria de tão pequeno que estava,normalmente não sinto isso,percebi que me adaptei bem as lentes,as vezes nem lembro que estou com ela,mas uma vez na semana pelo menos ocorre isso e fico em dúvida se é normal ou não,pois só acontece com o olho esquerdo,próxima semana irei no oftalmologista!

Anônimo disse...

Olá uso lente de contato a 14 anos, depois de ter feito o pedido e começar a usá-las. Meu olho esquerdo começou a lacrimejar ficou vermelho e dolorido o que pode ter causado. Edi, Bahia

Anônimo disse...

Olá uso lente de contato a 14 anos, depois de ter feito o pedido e começar a usá-las. Meu olho esquerdo começou a lacrimejar ficou vermelho e dolorido o que pode ter causado. Edi, Bahia

camila pimenta disse...

Oi boa noiye! Meu nome é camila, tenho 3 e 4 graus de miopia e há 3 anos usei lentes de contato gelatinosas, mas pelo mal uso delas tive uma úlcera de córnea no olho esquerdo, fiz o tratamento com antibióticos e o médico disse que ela havia cicatrizado, enato após meses e meses tentei voltar a usar as lentes pq não me sinto bem de óculos, mas parece que meus olhos não estão é adaptando novamente quando uso eles ficam vermelhos e doem muito, muito mesmo! Me ajude o que pode ser??
Desde já agradeço!!!

Gleiciana Oliveira disse...

Ola meu nome é gleiciana é a primeira vez que eu uso lentes de contatos e a que estou usando é a gelatinosa faz três dia mais estou sentindo um desconforto no olho esquerdo sinto a lente mexer e quando tiro o olho cosa e arde mais nao ta vermelho nao sei se é por conta da solução que uso para limpar as lentes ou do colírio lubrificante que eu estou usando o que vc me diz isso é normal ou nao?